terça-feira, outubro 10, 2006

SCBraga na final dos Jogos da Lusofonia

Foto: www.macau2006.org


A Selecção Nacional de Voleibol Feminino continua a sua marcha triunfante em direcção à final desta 1ª edição dos Jogos da Lusofonia, ao derrotar por 3-0 a Selecção de Macau. Alexandra Rodrigues (SCBraga) apesar de limitada fisicamente esteve presente em mais esta esclarecedora vitória das nossas "tugas".

Partindo para esta partida com um natural favoritismo, as atletas da Cruz de Cristo tiveram que suar para levar de vencido a aguerrida equipa Macaense. Em declaração ao nosso blog, Alexandra confidenciou-nos que este "foi um jogo cansativo e no qual as atletas macaenses defensivamente estiveram muito bem, defendendo tudo. Em termos de ataque, eram limitadas, procurando jogar sempre no nosso erro".

Esta jovem atleta que este ano subiu definitavemente à equipa senior do SCBraga ainda teve tempo para nos afirmar que "apesar de estar com um pequeno toque no pé que me incomoda ao treinar, tenho dado sempre o meu máximo e por isso tenho entrado sem problemas no 7".

No final desta partida a Selecção das Quinas saiu do Pavilhão Desportivo do IPM com uma suada, mas contundente vitória por 3-0 (25/14, 25/15 e 25/20), apurando-se deste modo para a final que se irá disputar esta quarta-feira (dia 11 de Outubro) pelas 17h00.

6 comentários:

alexis disse...

es o maior pit =,)

E UM orgulho em estar nas seniors ! =)

T.A. disse...

Rapariga, muitos parabéns pelas tuas exibições! Tens tudo para fazeres uma época desportiva em grande na A2.
Nós cá te esperamos!

Anónimo disse...

Continua em grande Alexis...

Anónimo disse...

Parabens á Alexis e ao SCBraga.Bjs

Anónimo disse...

Grande promessa do voleibol luso.Grande colega, optima amigam e nosso orgulho. Bjs dos amigos de Braga

Anónimo disse...

Apesar de não ter tido o destaque que merecia, esta jovem afirma-se cada vez mais como um grande talento do voleibol nacional. Oxalá se mantenha nesta grande equipa do Sporting Clube de Braga, que tem feito um trabalho extraordinário.